Fala criativa

A chave da boa apresentação vai além da técnica: espantar os monstros, fazer as pazes com a timidez e identificar, igualmente, a prolixidade.  O gato nem sempre necessita subir ao telhado, e extroversão não é sinônimo de se  comunicar bem.

Cada pessoa traz consigo um tesouro, às vezes perdido, e sempre único de histórias. A ideia é despertar o gigante adormecido,  acolhendo e organizando, sobretudo,  reunindo  foco e criatividade para contar uma boa história.

fala.jpg