O bom filho nem sempre anda em linha reta

“Ah, fique tranquila, daqui até lá é uma linha reta”. Isso eu ouvi, quando quis saber como ir de São Paulo à Petrolina, no Ceará, ao Jardim São Paulo e à Camanducaia, em Minas Gerais. Quem tem inteligência espacial, imagino eu, deve se beneficiar de uma bússola interna que funciona, com certeza, em linha reta.

Mas o pior mesmo é quando sugerem que você olhe no mapa. Meus caros, ao contrário dos senhores, sou incapaz de decifrar labirintos. Ruas e avenidas são meros empecilhos mitológicos na jornada do herói. Desde pequena, ao sair de uma loja, nunca soube de onde vinha e para onde ir.

Felizmente, vieram os aplicativos de GPS. Agora conheço favelas e, na hora do desespero, clico no meu endereço. A velha sabedoria do filho que regressa a casa.

Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags