Quem sabe, de pijama


Outro dia, uma mulher se apresentou de pijama em um programa de TV. Críticas e elogios inflacionaram os ânimos e as redes sociais. Vivemos em tempo de slogans e discursos contraditórios, mas o certo é que a mulher continua sendo vítima de expectativas e da hipocrisia social.


A solução, meu bem, está a mil léguas do politicamente correto. Menos contaminação, menos futilidade, mais coerência e autenticidade. Talvez o essencial esteja diante de nós, no respeito às nossas diferenças, nos atributos humanos que no tornam, quem sabe, solidários.

Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags