Intelectual, só que não...

A linguagem regional, quando falada por nativos do local, torna-se parte de seu "eu" e soa bem aos ouvidos. Mas, quando um deles decide enriquecer sua comunicação e começa a soltar palavras que não fazem parte de seu repertório, torna-se um caos para o ouvinte, ainda mais se ele não para de repetir a mesma palavra.


Outro dia estava em um táxi, e o motorista desembestou a falar, e no final de cada frase, ele dizia: “Compreendestes”. E assim, até chegarmos ao destino esperado. Eu percebi que, com isso, ele estava se sentindo um intelectual!


Portanto, evite mal-entendidos. Ao se expressar, cuidado com a utilização de termos que não fazem parte do seu repertório. Certifique-se de que não há repetição exaustiva de palavras, sobretudo, de que cada colocação - na fala ou na escrita - está devidamente inserida ao contexto. Compreendestes?

Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags